Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Colunas Impressas » Horóscopo

Signo do Mês – GÊMEOS

Voltar para listagem de colunas Inserida em: 20/05/2018 Colunista: Silvia Helena Francisco

 Nesse domingo dia 20 de maio às 23h14, o sol entrou no signo de Gêmeos, portanto como representam as duas pilastras da sabedoria, e a comunicação, estamos agora com a  comunicação fazendo de tudo pela nossa vida desde novos cursos até mesmo o conversar sobre algo diferente.

A dualidade do signo de Gêmeos é a característica mais marcante. Estaremos sem dificuldade de encarar mudanças e se adaptar facilmente a qualquer ambiente ou pessoa. Estaremos com essa energia mais mutável e quem nasceu com o sol em gêmeos são “camaleônicos”.

No entanto, logico como tudo na vida tem um ponto negativo. Como estamos no momento, na área da comunicação, à tendência de quem tem Sol em Gêmeos é mudar de um assunto para outro e nessa vontade de saber um pouco sobre tudo, podem transmitir que são pessoas que sabem apenas superficialmente sobre os assuntos ou simplesmente repetem o que os outros dizem. Isso porque mesmo que não entendam completamente sobre o tema, são pessoas que continuam falando como se tivessem total conhecimento.

Por conta disso, é importante que o geminiano canalize essa energia de maneira positiva, para não perder o foco e conseguir se concentrar em seus objetivos. São pessoas habilidosas com as palavras, que gostam de obter e compartilhar conhecimento. Tem o dom da oratória, por isso são ótimos professores, jornalistas.

E como estaremos no campo do amor? A dualidade do Sol em Gêmeos tem destaque. Ao mesmo tempo em que se entregam emocionalmente ao outro, tem um lado que recusa ceder ao romantismo. Como são pessoas agitadas e que não apreciam tanto a estabilidade, acabam tendo relacionamos curtos quando a monotonia do namoro toma conta. Então um conselho: bastante amarelo, flores, roupas, sorrisos e fazer coisas diferentes. Nada de ficar na mesmice. 

Gêmeos representa a nossa infância, e quando criança quer sempre buscar coisas novas e nossa antena de aprendizagem está a toda! Vamos conversar, vamos ouvir, e vamos deixar a criança de nosso interior vir à tona. 

Beijos no coração de cada um de forma bem inocente e infantil, como os gêmeos Rómulo e Remo!