Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Colunas Impressas » De Olho na Política

Procurando pelo em ovo

Voltar para listagem de colunas Inserida em: 13/05/2019 Colunista: Carlos Pinto

 “Só os grandes sábios

e os grandes ignorantes

são imutáveis,”

(Provérbio Zen)

 

        Tenho plena convicção que vários congressistas, aliados aos parasitas que compõem o STF, estão forçando a mão e procurando pelo em ovo. As recentes atitudes adotadas no STF, notadamente pelos membros nomeados em gestões do PT e PSDB, nos levam a acreditar que esses senhores estão jogando no quanto pior melhor. Não se conformam em perder suas benesses, e querem usufruir até o fim da vida, de tudo aquilo que negam a sociedade brasileira.

Os capachos do senhor Rodrigo Maia, juntamente com o senhor Alcolumbre (que não se perca pelo nome), são adeptos da baderna com a esperança de escapar dos crimes cometidos. Com tal associação, não me surpreenderei nem um pouco, se o Presidente resolver colocar um basta nessa situação e decretar o fechamento dessas instituições, que na verdade, nos dias que correm, só prestam desserviços ao povo brasileiro.

A questão do contingenciamento das verbas das Universidades Federais, não é fato novo entre nós. Lula e Dilma já realizaram no passado, medidas como essa, e nem por isso assisti qualquer gritaria por parte de quem quer que seja. O que não dá mais para segurar, é a baderna instituída em algumas delas, de acordo com as fotos e vídeos postados nas redes sociais. O que não dá mais para aguentar, são reitores fugindo do país, levando o dinheiro dessas unidades educacionais, enquanto o Museu Nacional ardeu por falta de aplicação das dotações enviadas à Universidade Federal Fluminense.

As verbas destinadas a essas Universidades, é fruto dos impostos que pagamos, e que não deve ser utilizado com maus alunos que simplesmente não querem estudar. Você não vê essas manifestações nas Universidades particulares, porque sai do bolso dos pais o pagamento mensal de seus estudos. O que se lamenta é que alunos das Universidades Federais, que estão interessados em aprender e se formar, sejam prejudicados por seus colegas baderneiros. O ideal era simplesmente jubilar essa malta de desocupados, que ocupam os lugares daqueles que realmente querem aprimorar seus conhecimentos.

Boa parte da culpa dessa situação, recai sobre os reitores dessas unidades, que também deveriam ser afastados de seus cargos. Com tantos maus brasileiros, dificilmente o país sairá desse atoleiro em que foi chafurdado por governos corruptos, e parlamentares do mesmo quilate. Razão pela qual, aumentam as vozes por uma ação militar que feche o Congresso e o STF, o que me faz relembrar a infausta Marcha com Deus pela Liberdade. Os tempos são outros, mas não dá para aceitar passivamente o que está ocorrendo no país, e uma medida drástica precisa ser adotada, para conter a malta de canalhas que quer porque quer, continuar mamando nas tetas do erário.

Resta ao Governo calar a boca desse Olavo de Carvalho e, a dos filhos do Presidente. Falar menos e agir mais, pois para isso que foi eleito. Ou então, vai chegar a hora em que o povo terá que tomar uma atitude, e invadir as duas casas e expulsar esses maus brasileiros. Aliás, está demorando.