Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Em Cubatão, o maior Festival Nordestino fora do Nordeste

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2014-11-13 -00:55

Em Cubatão, o maior Festival Nordestino fora do Nordeste

Durante quatro dias a partir desta quinta-feira (13), começa em Cubatão, o maior festival nordestino fora do Nordeste, é o Festival de Cultura Nordestina - Cubatão Danado de Bom. E para começar, show do sanfoneiro Chambinho do Acordeon inicia a lista dos que ocuparão o palco montado no Kartódromo Municipal (Rua Embaixador Pedro de Toledo, s/nº). Entre os que se apresentarão na festa nordestina estão: Pitty, Fagner, Falamansa, Magníficos  e Tribo de Jah. O palco também será ocupado por artistas locais e no espaço de 20 mil m², artesanato e comida típica.

Criado em 2010 pela Prefeitura de Cubatão, o festival faz parte do calendário oficial de eventos do Estado de São Paulo e já está se consolidando como a maior festa nordestina fora do Nordeste - as duas edições anteriores somaram um público de 115 mil pessoas. Este ano, a expectativa da organização é de atrair cerca de 75 mil pessoas ao local nos quatro dias de festa.

Na grande estrutura montada, a novidade deste ano é o Espaço Infantil, de 450 m², com brinquedos em eucalipto. Parte do local será climatizada e outra contará com gramado para a criançada sentar no chão e ficar à vontade para brincar. Monitores e contadores de história aturam nesse espaço.

A estrutura do Danado de Bom também será composta por um palco principal com 200 m², que receberá dois grandes shows por noite; um camarote com 300 m²; e a cidade cenográfica, sempre um sucesso, retratando uma vila matuta do sertão nordestino, em um espaço de 1.500 m². Lá estará a Casa do Artesão, onde o pessoal ligado à Fábrica da Comunidade e artesãos de outros municípios poderão comercializar peças criadas com inspiração na cultura nordestina. Além disso, haverá uma praça de alimentação de 1.500 m², onde ficarão restaurantes de comidas típicas nordestinas, e um espaço de 300 m², ao lado do palco principal, onde serão montadas 11 barracas (dez de entidades assistenciais e uma do Fundo Social de Solidariedade).

Infraestrutura e segurança -  Um  grande esquema de segurança foi montado pela organização do evento para funcionar dentro do Danado de Bom e nos arredores. Pelo menos 130 homens da segurança particular e patrimonial da Prefeitura estarão presentes na entrada principal e nas saídas do Kartódromo. Entre as medidas preventivas de segurança estão o uso de detectores de metal e de catracas.

A Polícia Militar fará patrulhamento diário no local do evento, com a presença de policiais do efetivo de Cubatão e apoio de oficiais de outras cidades da região, com viaturas e motos. Quatro praticáveis serão instalados em locais estratégicos, dentro do Kartódromo, permitindo que esses policiais tenham uma ampla visão do espaço dos shows. A Polícia Civil vai reforçar o plantão de atendimento na Delegacia Sede nos quatro dias de evento. O Corpo de Bombeiros fará toda a parte de inspeção pré-evento e também manterá equipes de plantão, inclusive dentro do festival, com 15 brigadistas. A arena do Danado de Bom contará com várias saídas de emergência, posto médico com duas ambulâncias do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e posto do Conselho Tutelar.

 Trânsito - Por conta do grande número de carros circulando pelo município nos dias do evento, várias ruas e avenidas próximas ao Kartódromo serão interditadas. Serão espalhadas pela cidade placas indicativas sobre como chegar ao evento, assim como faixas mostrando rotas alternativas para os motoristas.

Nos quatro dias da festa, serão interditadas as seguintes vias: Rua Embaixador Pedro de Toledo até a Rua Joaquim Miguel Couto (na quadra do Kartódromo); Rua Bernardo Pinto (lateral do Kartódromo); Rua Manoel Jorge, entre a Praça da Bíblia, Rua Joaquim Miguel Couto; Rua Dr. Fernando Costa entre a Avenida Joaquim Miguel Couto e Rua Bernardo Pinto; Avenida Joaquim Miguel Couto, entre as Ruas Embaixador Pedro de Toledo e Rua Ana Neri. A Rua Ana Neri ficará liberada apenas para trânsito de moradores.

O Festival de Cultura Nordestina - Cubatão Danado de Bom que acontece de hoje - quinta-feira (13) até domingo (16), numa realização da Prefeitura de Cubatão com apoio da Usiminas, Unimonte, Ecovias, Vale e Cerveja Devassa. Ainda, apoio institucional do CIESP - Centro das Indústrias do Estado de São Paulo, ACIC - Associação Comercial e Industrial de Cubatão, Santos e Região Convention & Visitors Bureau, e parceria com a Associação dos Artistas.

Programação de shows Quinta e sexta-feira, a programação é das 18h à meia noite. Sábado e domingo, das 12h à meia noite. A programação completa pode ser conferida no site www.cubataodanadodebom.com.br .

13/11 (quinta-feira)

19h - Camarão de Bonito Trio (recepção no chão) 
19h30 - Abertura com Bandão Danado de Bão com Camarão de Bonito,
Justino e Marisete, Forró Rural de Luxo e Forró Sanfonado (palco principal)
20h30 - Chambinho (palco principal)

21h30 - Latitude 10 (palco cultural)
22h30 - Magníficos (palco principal)
24h - Forró Rural de Luxo (palco cultural)

14/11 (sexta-feira)

14h30 - Teatro Carcaráh voador - "Ispinho e Fulô de Patativa" (palco cultural)
18h30 - Luiz Cláudio & Banda (palco cultural)
18h30 - Camarão de Bonito Trio (recepção no chão) 
19h - Encontro de Quadrilhas 
20h30 - Tribo de Jah (palco principal)
21h30 - Encontro de Quadrilhas 
22h30 - Falamansa (palco principal)
24h - Forró Sanfonado (palco cultural)

15/11 (sábado)

12h - Banda Kardinali  - Toca Raúl (palco cultural)
13h30 - Anastácia - a Rainha do Forró -(palco cultural)
14h45 - Banda Macaco Prego (palco cultural)
14h - Oficina de Percursão - ritmos nordestinos c/ Fabiano Augusto (chão)

14h - Oficinas recreativas populares
15h - Mamulengo rasga estrada 
16h - Teatro Carcaráh Voador - "Ispinho e Fulô de Patativa" (palco cultural)
16h45 - Aulão de brincadeiras populares
17h - Associação folclórica reisado sergipano  
18h - Dedinho de Moça  (palco cultural) 
19h - Camarão de Bonito Trio -(recepção no chão) 
19h - Encontro de Maracatu 
20h30 - Daniel Gonzaga (palco principal)
21h30 - Kleber Serrado  - "Música do Nordeste"  (palco cultural) 
22h30 - Fagner
24h - Banda de Pífanos de Caruarú (palco cultural)

 16/11 (domingo)

13h00 - Tenente Haole (palco cultural)
14h45 - Um cravo bem temperado - Monique Rocha (palco cultural)
14h00 - Oficinas recreativas
15h30 - Mamulengo "A Folia no Terreiro de seu Mané Pacaru  - Danilo Cavalcante
16h35 - Aulão de brincadeiras populares
18h - Dedinho de Moça (chão) 
19h - Camarão de Bonito Trio (recepção no chão) 
19h -  Associação Folclórica Reisado Sergipano 
20h - Rapadura Chique-Xico (palco principal)
21h -  Buzão do Forró (palco cultural) 
22h -  Pitty (palco principal)
23h30 - Cleyton Alessandro (palco cultural)

(Fotos: Divulgação)