Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Panelaço - a manifestação que aquartela a presidente

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2015-05-07 -23:48

Panelaço - a manifestação que aquartela a presidente

Mais uma vez a presidente Dilma Rousseff (PT) preferiu não enfrentar a população, mesmo não sendo o contato direto. Assim como fez em 1º de maio, Dia do Trabalhador, data em que tradicionalmente o povo espera, pelo pronunciamento da autoridade maior, mesmo sabendo que  a mensagem é apenas pró forma, a presidente Dilma também não marcou presença no programa do PT na televisão em rede nacional, nesta terça-feira (5).

O silêncio da presidente Dilma não surtiu o efeito que pretendiam seus assessores. O povo já havia preparado suas armas: as panelas e bastou o ex-presidente Lula aparecer que a manifestação organizada pelas redes sociais se fez ouvir em vários estados, inclusive no Distrito federal.  A propaganda do PT começou às 20h30 e em alguns manifestantes iniciaram o repúdio batendo panelas e quando Lula que hoje se pronuncia em discordância da presidente Dilma, sua cria política, o panelaço seguindo de gritos, buzinas e pisca piscas de luzes nos prédios tomou conta da noite.

O panelaço já foi adotado como uma das formas ruidosas de manifestação do povo contra os atos do governo federal. A insatisfação cresce a cada dia, exigindo a presidente Dilma uma atitude. A opção da presidente de se calar, se esconder, se aquartelar, só deixa mais frustrada a população que está sendo castigada por crimes que  não cometeu – não importa se os bandidos de colarinho branco estão tomando para si todas as possibilidades criminosas e deixando pouco espaço para atuação  de outrens.

Tem gente que não para de falar em impeachment da presidente Dilma, mas  pelo andar da carruagem, com ela sendo jogada para escanteio pelo seu guru político, Luiz Inácio Lula da Silva, a criatura, com antigos apoiadores pulando fora do barco e com a pressão do povo, ela precisa ser muito, mas muito forte mesmo, para não roer a corda. (Noemi Macedo) – Foto: Divulgação