Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Na Câmara Municipal, Sintracomos criticará cortes na Justiça do Trabalho

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2016-03-29 -14:13

Na Câmara Municipal, Sintracomos criticará cortes na Justiça do Trabalho

A presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-SP), Sílvia Regina Pondé
Galvão Devonald, estará na Câmara Municipal de Santos, nesta terça-feira
(28), às 16h, para falar sobre proposta de redução de dotações e custeio da Justiça do Trabalho.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil, Montagem e
Manutenção Industrial (Sintracomos), Macaé Marcos Braz de Oliveira, estará
presente e apoia a campanha do judiciário contra a medida.

“A Justiça do Trabalho é a guardiã dos nossos direitos e não podemos aceitar
seu enfraquecimento de jeito nenhum”,
diz o sindicalista.

A proposta de redução é do relator do projeto de lei orçamentária de 2016
(PLN 7-15), deputado federal Ricardo Barros (PP-PR). Ele quer o cancelamento
de 50% das dotações para custeio e 90% dos recursos destinados a
investimentos na Justiça do Trabalho.

De acordo com a proposta, o corte chega a R$ 1.010.949.377. O relator argumenta que a indicação de corte “é para estimular uma reflexão sobre a necessidade de mudanças na Justiça Trabalhista”.

 Macaé acha que ele representa interesses das empresas.
“O sujeito só pode ser empresário”, reclama o presidente do Sintracomos. “O
que a Justiça do Trabalho precisa é de maiores investimentos, para que os
processos sejam julgados o mais rápido possível”.

Todos os sindicatos da região estão convidados para o evento na Câmara (Praça Tenente Mauro Batista de Miranda, 1, Vila Nova).