Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Queima de fogos – Deslumbramento, susto e desespero

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2017-01-01 -02:14

Queima de fogos – Deslumbramento, susto e desespero

Pânico em Mongaguá – O que era para ser uma festa quase virou tragédia na queima de fogos deste Réveillon em Mongaguá. Celina Moura, vicentina que passou Natal e o Réveillon com a família em Mongaguá, por telefone disse “do nada os fogos começaram a pipocar no meio do povo. Ninguém sabia para onde correr porque as explosões aconteciam de todos os lados. Por sorte a gente tinha deixado as crianças com minha tia. Tem gente ferida e as ambulâncias estão chegando”.

O fato aconteceu na Praça Dudu Samba e não foi possível, até o momento, contato com equipes da Prefeitura. Segundo informações do Corpo de Bombeiros, os feridos, ainda não se sabe quantos, estão sendo encaminhadas para o Pronto Socorro. No local se encontram equipes do Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Guarda Municipal prestando socorro às vítimas e tentando manter a ordem para evitar mais feridos.

Deslumbramento – Nas demais cidades da região em que a queima de fogos foi realizada, o evento que atraiu milhares de pessoas à orla da praia, transcorreu sem acidentes, causando deslumbramento pelas imagens coloridas que subiam ao céu. Na região, apenas a cidade de Cubatão não teve

Santos – Por volta das 22h30, a multidão começou a tomar conta das ruas em direção à praia. Às 23h30, no Embaré, mais precisamente a Rua Nascimento (rua de uma quadra, lateral da Igreja Santo Antônio do Embaré) mais parecia palco de procissão. Estava tomada de pedestres em direção ao jardim e areia da praia para assistir ao show pirotécnico da virada do ano. Foram 17 toneladas de fogos queimados em 16 minutos de deslumbramento para a multidão e desespero para a grande maioria dos animais, especialmente cães e gatos. 

São Vicente –Com menos tempo de duração, mas causando o mesmo deslumbramento, a queima de fogos em São Vicente durou 10 minutos, levando uma multidão às praisa de Itararé e Gonzaguinha.  

Praia Grande – Teve o show pirotécnico mais longo da região, 20 minutos. A queima de fogos aconteceu nos bairros Forte, Tupi, Caiçara e Real.

Peruíbe - Milhares de pessoas também foram à praia do Centro para celebrar o ano novo admirando e aplaudindo a queima de fogos.

Guarujá – O espetáculo no céu de Guarujá durou 15 minutos com fogos a partir das praias de Astúrias, Enseada, Pernambuco, Pitangueiras e Tombo. Também da Praça 14 Bis, em Vicente de Carvalho.

Itanhaém – Teve queima de fogos a partir das praias do Sonho e Gaivota e da Praça do Suarão.

Bertioga - Nesse município o show pirotécnico foi na praia da Enseada e durou cerca de 10 minutos. (LV e colaboradores)