Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Cubatão terá novos calendários escolares

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2017-05-13 -18:21

Cubatão terá novos calendários escolares

 

A recente greve dos servidores públicos municipais de Cubatão que mobilizou parte dos professores municipais, segundo a Prefeitura, corresponde a 24 dias letivos. Assim, a reposição de aulas foi o principal assunto da reunião de ontem, quinta-feira (11), na Secretaria da Educação de Cubatão (Seduc).

O encontro que contou com a presença do secretário de Educação, Raul Christiano foto), da presidente do Sindicato dos Professores Municipais de Cubatão (Sindpmc), Nilza Bretas de Carvalho, do presidente do Conselho Municipal de Educação, Paulo Sebastião Rodrigues, além de membros dessas entidades e da comissão de mães de alunos apontou o consenso para a criação de uma resolução a ser publicada ainda nesta semana, requerendo que cada direção das Unidades Municipais de Ensino (UMEs) apresente um novo calendário de reposição de horas letivas até o próximo dia 19. 

A orientação da Seduc é que haja reorganização do Horário de Trabalho Pedagógico Coletivo e Horário de Trabalho Individual, e, se houver necessidade, a realização de atividades interdisciplinares aos sábados e a utilização da primeira semana do recesso escolar de julho. Nas creches, a proposta é ampliar o expediente neste primeiro período, com revezamento dos profissionais, das 7 às 18h, e com relação às atividades de EJA, haverá especificações a fim de garantir a conclusão das aulas neste semestre.
 
Devido a complexidade da formação do quadro da Secretaria de Educação, além dos educadores, a Seduc também fará contato com o Sindicato dos Servidores Municipais de Cubatão (Sispuc) para orientar sobre a reposição de horários que não ocorreram neste semestre porque, dentre as categorias que representam, estão os gestores escolares (diretorias das UMEs e supervisores de ensino), servidores administrativos (secretários e inspetores de alunos), merendeiras e pajens.
 
O secretário Raul Christiano enfatizou que a partir da homologação dos novos calendários escolares, a previsão é de que as novas propostas sejam homologadas e aprovadas pela Seduc para que entrem em vigor no próximo dia 22. Ao final da reunião o secretário destacou: "Consideramos que este encontro foi muito produtivo e transparente, e um passo importante para uma relação junto ao conselho, ao sindicato, enfim, à comunidade escolar".  (Fotos: Divulgação)

·