Jornal Espaço Aberto

Página Inicial

Notícias

Será o fim do voto secreto na Câmara de Guarujá?

Voltar para listagem de notícias Inserida em: 2017-05-15 -20:03

 Será o fim do voto secreto na Câmara de Guarujá?

 

Os vereadores de Guarujá analisam nesta terça-feira (16), em primeiro turno, a Proposta de Emenda à Lei Orgânica 002/2017, que extingue o voto secreto nas deliberações feitas em plenário. 

Atualmente, o regimento interno do legislativo guarujaense prevê votação secreta em casos de análise de perda de mandato; escolha da mesa diretora; vetos do Executivo e concessão de títulos de cidadão.

Caso aprovada pelos vereadores, todas as votações passarão a ser abertas e públicas, sem exceções.

A matéria já tramita nas comissões da Casa desde janeiro e foi pautada para ordem do dia da próxima sessão ordinária. Por se tratar de proposta que altera a Lei Orgânica do Município, serão necessárias duas votações, com a aprovação de 2/3 dos 17 vereadores, em ambas. A segunda votação está prevista para o dia 30 deste mês.

Transparência – A propositura é de autoria do vereador e presidente da Câmara, Edilson Dias (PT), que argumenta a necessidade de garantir maior transparência nos atos legislativos. "A população clama por isso. O princípio da transparência deve ser o norteador do nosso trabalho", enfatiza.

Na fundamentação da proposta, Edilson Dias também lembra que medida análoga já foi adotada pelo Congresso Nacional, ainda em 2013. Desde então, só foram mantidas a votações sigilosas para casos de eleições de mesas diretoras e escolhas de autoridades do STF, PGR e dirigentes de agências reguladoras. (Divulgação)

https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif